O Novo Homem

"Não tenho medo da morte. Antes tenho medo da minha mente"

segunda-feira, janeiro 16, 2006

Astrologia, Aura e Pureza (Parte II)

Templo da Pureza

Continuando então a conversa de ontem...
Bom, e como é que se há-de agir sobre a aura?
Pode-se fazê-lo de 2 maneiras. Em primeiro lugar, por intermédio de uma vontade consciente, isto é, fazendo exercícios de concentração nas cores, imaginando que se nada nas cores mais puras e mais luminosas. Para ter uma ideia exacta das sete cores, deveis servir-vos de um prisma. As cores que vedes na Natureza, nas flores ou nas aves, nunca são exactamente as da luz solar, ao passo que com o prisma vereis o vermelho, o laranja, o amarelo, o verde, o azul e o violeta autênticos...

Seguidamente podeis fazer um exercício imaginando que as cores saem de vós e se prolongam no espaço, que estais mergulhados nessa luz, nessas cores, que estais rodeados duma atmosfera luminosa e que enviais o vosso amor para todo o Universo. São exercícios tão agradáveis que pode acontecer que, quando estiverdes a fazê-los, não vos apeteça parar!

O segundo método é esforçar-se por adquirir as virtudes: a pureza, a paciência, a indulgência, a generosidade, a bondade, a esperança, a fé, a humildade, a justiça, o desapego. Aqueles que acham que a natureza dos seus actos, dos seus pensamentos e dos seus sentimentos não têm importância nenhuma porque a moral e a religião estão fora de moda e não se deve dar-lhes importância, desfiguram a sua aura e só produzem cores feias e sem brilho, vibrações caóticas e desarmoniosas.

Este segundo método de que vos falo é o mais seguro. Vós esforçai-vos por adquirir as virtudes, e são as próprias virtudes que formam a aura. Evidentemente, podeis reunir os dois métodos, isso é melhor ainda. Por intermédio das virtudes, o processo ocorre naturalmente; por intermédio da vontade consciente, ele dá-se também, mas é menos eficaz. Sim, porque se todos os dias praticardes exercícios de concentração na vossa aura mas ao mesmo tempo viverdes uma vida absolutamente vulgar, transgredindo as leis divinas, estareis a construir dum lado mas a demolir o outro.

Por isso é melhor juntar os dois métodos: viver uma vida honesta, pura, cheia de amor, e ao mesmo tempo trabalhar conscientemente, com a imaginação, para melhorar a aura.
Omraam